O trabalhador de uma funerária tirou uma sesta e acabou enterrado por engano. O trabalhador da funerária “Cá T´apanho”, foi mesmo enterrado por engano e acabou por falecer. Tudo porque optou por fazer uma sesta após o almoço.

Na sua última refeição, o homem foi à tasca do costume afirmou aos meios de comunicação social que: “Da última vez que aqui esteve, comeu dois pratos cheios de mão de vaca com grão e bebeu uma garrafa de vinho tinto sozinho. Ao sair daqui, explicou-nos que estava com uma moleza enorme”.

O homem regressou ao seu local de trabalho e acabou por fechar os olhos e dormir uma sesta num dos caixões que se encontravam na loja. O problema é que naquele mesmo dia havia um funeral e os homens acabaram por levar o caixão para enterrarem o falecido confundido com o caixão onde estaria o funcionário a descansar.

Sem ninguém dar por nada, o trabalhador foi mesmo enterrado e só depois de alguns dias se aperceberam do erro, ao perceberem que na funerária existia um cheiro nauseabundo já que o falecido por lá continuou.

RIP.

Nota: Este é um artigo de carácter humorístico/satírico com o objectivo de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade. Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência.

Partilha