Uma mulher tatuou um sinal de proibição na bunda para que o marido não cair em tentação.

Cansada das investidas do marido, sempre que estavam nos seus momentos mais calorosos, a mulher decidiu tomar a decisão de realizar uma tatuagem que o fizesse lembrar que “ali” é sentido proibido.

Quem não achou piada foi o marido que respondeu de imediato, não estar acostumados a respeitar sinais de trânsito pelo que poderá transgredir a lei traseira imposta pela mulher.

Após vários dias de discussão, o casal enfrenta agora um processo de divórcio. O homem enfrente já 5 processos em tribunal por ter infringido a lei e provocar acidentes consecutivos, ao conduzir em locais com sinal de “sentido proibido”.

O que dizer?

Nota: Este é um artigo de carácter humorístico/satírico com o objectivo de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade. Qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência.

Partilha