Morreu o Joãozinho das piadas. Sim, aquele mesmo que tudo apronta e deixa as professoras loucas com as suas traquinices.

Então, a morte veio buscar o Joãozinho, já que chegou a hora dele pagar por todas travessuras que fez em vida:

Morte
– “meu jovem, chegou a tua hora, tenho que te levar deste mundo”

Joãozinho
– “Então, mas eu não posso fazer meu último pedido não? não costuma funcionar assim?”

Morte
– “Por teres praticado várias traquinices e com isso ter facilitado o meu serviço, deixo-te fazer fazer um último pedido, mas não podes pedir para não morrer!”

*Joãozinho pensou e então escolheu qual seria o seu último desejo:*

“Eu quero ver um Portugal próspero e com líderes políticos que não sejam corruptos.!

Também vais gostar destes:
No primeiro dia Deus criou a vaca ANEDOTA
Quando três amigos estão a conversar numa cervejaria ANEDOTA.

Morte
– “ah safado, ganhaste vida eterna!”