Um homem partiu a cabeça depois de confundir rua pintada de azul com uma piscina. O lisboeta sofreu um traumatismo craniano depois ver uma das ruas da cidade pintadas de azul pelo Fernando Medina.

Infelizmente, confundiu a rua pintada com uma piscina, decidiu mergulhar de cabeça. Outro lisboeta partiu os dentes após tentar mergulhar de chapão e a EMEL bloqueou e rebocou diversos flamingos gigantes insufláveis que estavam indevidamente estacionados no meio da rua.

Nota: Este é um artigo de carácter humorístico/satírico com o objectivo de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade. É meramente ficcional.