Um homem falsificou a assinatura da mulher e divorciou-se dela às escondidas. O facto de terem sido obrigados a passar tanto tempo juntos durante a quarentena fez com que o homem fosse levado a fazer batota.

O homem estava casado há cerca de ano e meio com Rosa Magalhães, após conhecer a mulher num clube de strip que costumava frequentar.

Chegando ao período de quarentena, eles começaram a passar mais tempo juntos e não se suportavam. Ele tentou pedir o divórcio a bem, mas ela rejeitou e foi então que o homem se viu obrigado a forjar a assinatura da mulher, assinando os papéis do divórcio plos dois.

O divórcio cabou mesmo por acontecer e só agora a mulher decidiu manifestar-se, afirmando que vai colocar o ex marido em tribunal já que “nunca assinei nenhum papel”.

Já ele disse: “Claro que falsifiquei a assinatura dela, se não nunca ia conseguir sair da prisão onde me encontrava. A quarentena foi horrível e eu nunca mais quero ter casos com as meninas de Vizela”.

Surreal…

Nota: Este é um artigo de carácter humorístico/satírico com o objectivo de fazer rir. A informação aqui veiculada não corresponde à realidade. É meramente ficcional.