Um homem detido tinha oito telemóveis, chips, cabos USB e carregador no ânus. Tudo aconteceu na “Penitenciária da Ferrugem”, no Brasil e os guardas mal conseguiram acreditar quando o raio-x mostrou telemóveis, chips, cabos e um carregador, equipamentos que cada vez é mais comum encontrar em presos e visitantes, mas não em tanta quantidade.

O homem tomou um laxante e acabou por expelir pelo ânus os oito aparelhos de telemóvel, sete chips, quatro cabos USB e um carregador de telemóvel.

A Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso, SESP-MT, informou que apesar do episódio bizarro, o preso não precisou de atendimento médico.

Ao dar entrada na prisão, o detido mostrou-se nervoso, ao saber-se que ele ia ser transferido para aquela penitenciária, recebeu a incumbência de levar para lá os telemóveis, que seriam entregues a outros reclusos e pelos quais receberia um bom dinheiro.

Com receio de ser morto pelos destinatários, não quis dizer quais os presos iria entregar os telemóveis, e a direção da penitenciária instaurou uma investigação e colocou o preso numa cela de isolamento, para que não sofresse represálias.