No primeiro dia Deus criou a vaca. E Deus disse: – Tens que ir para o campo com o agricultor durante todo o dia, sofrer debaixo do sol e dar leite para sustentar o agricultor. Eu dar-te-ei uma vida de 60 anos.

A vaca respondeu: – É uma vida duríssima para ser vivida durante 60 anos. Dá-me somente 20 e eu devolvo-te os outros 40. Deus aceitou.

No segundo dia Deus criou o cão e disse: – Vais sentar-te o dia todo junto da porta da tua casa e ladrar a quem entre ou queira entrar. Eu dar-te-ei 20 anos de vida.

O cão afirmou: – Xiça, tanto tempo para estar a ladrar. Dá-me apenas 10 e eu devolvo-te os outros 10. Deus também aceitou.

No terceiro dia Deus criou o macaco e afirmou: – Distrai as pessoas, faz truques de macaco e fá-los dar muitas gargalhadas. Eu dar-te-ei 20 anos de vida.

O macaco não achou piada: -Truques de macaco durante 20 anos!? Não me parece. O cão devolveu-te 10 anos e é o que eu vou fazer também, ok? Deus aceitou novamente.

No quarto dia Deus criou o Homem e disse: – Come, dorme, brinca, faz amor, diverte-te. Não faças nada, simplesmente diverte-te. Eu dar-te-ei 20 anos de vida.

O Homem respondeu: – O quê!? Só 20 anos? Nem pensar! Fazemos assim: eu fico com os 40 anos que a vaca devolveu, com os 10 do cão e os 10 do macaco. Isso faz 80. Pode ser? – Sim – disse Deus – feito.

Também vais gostar destes:
A resposta de um ouvinte na rádio! ANEDOTA
Quando três amigos estão a conversar numa cervejaria; ANEDOTA.

É por isso que durante os primeiros 20 anos comemos, dormimos, brincamos, fazemos amor, divertimo-nos e não fazemos nada. Os 40 anos seguintes, sofremos ao sol para sustentar a família, os 10 seguintes fazemos figura de macaco para entreter os nossos netos e os últimos 10 anos sentamo-nos na varanda e ladramos a toda a gente…

É este o sentido da vida…